dia da libertaçom trans*marica*bolho convocatoria MANI*FESTA*ACÇOM

 
ACTOS NA CORUNHA POLO 28 DE JUNHO DE 2010
DIA DA LIBERTAÇOM TRANS*MARICA*BOLHO
MELHOR DESCONTROLADAS QUE INSTITUCIONALIZADAS

ACTOS NA CORUNHA POLO 28 DE JUNHO DE 2010
DIA DA LIBERTAÇOM TRANS*MARICA*BOLHO
MELHOR DESCONTROLADAS QUE INSTITUCIONALIZADAS

primeira acçom maribolhera *okupaçom bandeira pacochet* junho 2005
primeira acçom maribolhera *okupaçom bandeira pacochet* junho 2005
MELHOR DESCONTROLADAS QUE INSTITUCIONALIZADAS

*26 DE MAIO: FESTA. MOLHA-TE COAS MARIBOLHERAS.
5 ANOS OKUPANDO A RUA: festa de apoio ao 26j. no Patachim. Exposiçom+videos+ceia bufette+agasalhos+sons maribolheros+monólogo Fernanda Pardo

*VENRES 4 DE JUNHO: Palestra e debate. A REALIDADE MARIBOLHOTRANS EM CUBA E APRESENTAÇOM DA NOVELA 'DESAMOR'. Galeria Sargadelos, 20:00h.
Ferran Pereda, escritor, responsável da revista Infogai, activista histórico do movimento LGBT catalám e membro do Col.lectiu Gai de Barcelona, achegará-nos à realidade cotiá que vivem os maricas, bolhos e trans na Cuba de hoje. Ferran, que actualmente vive a cavalo entre Barcelona e La Havana, aborda atravês da sua novela autobiográfica 'Desamor' as relaçons conflitivas entre os afectos, o amor, o espelhismo do capitalismo e os desejos da populaçom LGBT cubana.
Organizam: Edicions Lo Cancaneig e Maribolheras Precárias

*MARTES 8 DE JUNHO: ASSEMBLEIA ABERTA a todas as pessoas e colectivos que queiram participar na organizaçom da mani-festa-acçom.
Café Alfaiate, 20:00

*JOVES 10 DE JUNHO: Palestra e debate. ROSTOS DO DESEJO EM GUERRA. Umha leitura política e bastarda de Jean Genet. Ciclo ESCRITA(S). Galeria sargadelos, 20:00h.
Rubem Centeno. "Atravessar todos os rostos, todas as margens. Desde a Rote Armee Faktion aos chulos argelinos do Pigalle. É possível elaborar umha proposta política desde a escrita de Jean Genet? De onde parte para enfrentar-se ao mundo? Presso, traidor, marica, ladróm, prostituto e activista pós-colonial, Genet pratica umha maneira original de viver sem ser asimilado, onde a estética do abjecto e a poética como política constituem-se em reverso dumha sociedade despreciável".

*MARTES 15 DE JUNHO: FESTA DIGME OUT. Audiovisuais e música feita por mulheres. A Nena Pepita, 20:00

*MARTES 22 DE JUNHO: palestra e debate. OS INÍCIOS DA NOSSA 'CARREIRA': O COLECTIVO GAI DA CORUNHA E A COORDENADORA DE COLECTIVOS GAIS DA GALIZA (1980-1982)
Galería Sargadelos, A coruña 20:00h.
Xose Díaz, um dos pioneiros do activismo gai no nosso país, fará um interessante percorrido polo que forom aqueles anos de eclossom do movimento gai galego nos anos da transiçom: os primeiros colectivos, as primeiras acçons, as primeiras volantinas, a acçom da cafetaria Manhattan, a primeira manifestaçom do Orgulho Gai na Galiza...

*Durante todo o mês de junho:
5 ANOS DE AGIT-PROP, EXPOSIÇOM ITINERANTE DE CARTAZES MARIBOLHOS no Patachim/Mari Castaña/Alfaiate/Casa das Atochas...

*SÁBADO 26 DE JUNHO: MANI*FESTA*ACÇOM.
MELHOR DESCONTROLADAS QUE INSTITUCIONALIZADAS
Saída às 20:00 do Campo de Marte e
Grande Festa Autogerida no Campo de Marte desde as 22:30 às 04:30
Os benefícios da festa destinarám-se ao projecto de documentário audiovisual que estám a elaborar desde Proyecto Transgénero-La casa Trans (Quito-Ecuador).

PARTICIPAMOS:

ACSUR Galiza
AGASEX
AMI
Asociación de Veciñxs de Atochas- Montealto
As Duas
Cafés feministas
Caleidoskopio
Casa das Atochas
Colectivo Moucho
CS Atreu
Cruising GZ Project
festival fervesteiro
FugaEmRede
Fundaçom Artábria
GASVigo
Marcha Mundial das Mulheres
Maribolheras Precárias
Mulheres Transgredindo
Nomepisesofreghao
Olholivre
Oquenossaedacona
O Teatro Resoante
preS.O.S. Galiza
Proxecto Derriba
RDS
Rede Feminista Galega
Somos de-Generando
Uniom Libertária
Universidade Invisíbel
Transgaliza
Zocaminhoca

homepage:: http://galiza.indymedia.org read more: http://galiza.indymedia.org/gz/2010/06/23410.shtml

add a comment on this article